Categoria:
Categoria:

“Woodstock” é, oficialmente, local histórico nos EUA

“Woodstock” é, oficialmente, local histórico nos EUA

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, declarou oficialmente na última terça-feira, dia 06 de junho, que a região onde aconteceu o histórico Festival de Woodstock faz oficialmente parte do registro de lugares históricos dos Estados Unidos. “Woodstock foi um momento crucial na história de Nova York e da América, reunindo arte e música únicas em um evento que mudou a paisagem cultural e política desse país”, afirmou o governador. “Este reconhecimento de prestígio ajudará a preservar um marco inestimável de Nova York para as gerações atuais e futuras de nova-iorquinos”.

O local em questão é a antiga fazenda de Max Yasgur, localizada na cidade de Betel, que se encontra a cerca de 140 Km da capital do estado de Nova York. Atualmente o terreno abriga a Bethel Woods Center for the Arts, um museu dedicado a manter viva a memória não só do festival, mas de todas as transformações sociais, políticas, culturais e musicais que os movimentos dos anos 60 causaram no mundo e continuam inspirando gerações até hoje.

“Estamos entusiasmados em ser oficialmente colocados no Registro Nacional. Nós assumimos nosso papel como mordomos da terra muito seriamente, e o fizemos desde o início”, diz Darlene Fedun, Diretora Executiva do Bethel Woods Center for the Arts. “Nós compreendemos o quão importante foi o festival para a história americana e para o Condado de Sullivan, e usamos isso como inspiração para tudo o que fazemos. Nossa programação, seja no Museu, nas nossas iniciativas educacionais, nos nossos bastidores ou em nosso palco principal, incorpora o espírito do festival dos anos 60 e de Woodstock. Ser colocado no Registro Nacional só irá promover nossos esforços e garantir que esses terrenos sagrados sejam preservados desfrutados pelas gerações vindouras”.

Dê seu tock por aqui também